Monthly Archives: Junho 2013

Toxoplasmose: O que o gato tem a ver com isso?

gato mulher gravida carinho petrede Toxoplasmose: O que o gato tem a ver com isso?

É muito comum ouvirmos solicitações de proprietários de gatos sobre sorologias de toxoplasmose em seus GATOS, principalmente quando a mulher está grávida ou pretende engravidar.

O gato acaba sendo o grande vilão da história em relação à toxoplasmose e a razão disso é que ele é o único animal que termina o ciclo do protozoário e assim acaba invariavelmente sendo o culpado quando alguém da casa descobre estar com toxoplasmose.

Apesar de o gato estar envolvido diretamente no ciclo da toxoplasmose a maior fonte de contaminação do homem acaba sendo por ingestão de frutas e verduras mal lavadas ou consumo e manuseio de carnes cruas, contaminadas com o oocisto da toxoplasmose.

Até hoje TODOS os gatos domésticos, domiciliados que foram testados para toxoplasmose no Pet Care tiveram suas SOROLOGIAS NEGATIVAS, ou seja, não estão envolvidos nos casos de contaminação de seus donos.

Muitos médicos por desconhecimento do ciclo da toxoplasmose recomendam que as mulheres grávidas ou que pretendam engravidar, desfaçam de seus gatos domésticos para evitar possíveis contaminações. ISSO TUDO É REFLEXO DA NOSSA IGNORÂNCIA EM RELAÇÃO À DOENÇA E SEU CICLO, promovendo um verdadeiro retorno a Idade Média, de caça as bruxas, ou melhor, de “caça aos gatos”.

Segue abaixo um breve resumo sobre a Toxoplasmose, uma grave doença que pode causar sérios danos ao feto de mulheres que desenvolvem a doença durante a gestação.

A Toxoplasmose é uma doença causada por um protozoário chamado toxoplasma gondii, que vive em tecidos (músculos) animais da qual o gato é o hospedeiro definitivo, eliminando os oocitos nas fezes. O Toxoplasma é amplamente encontrado na natureza e pode infectar aves, roedores e grande variedade de mamíferos, incluindo o homem. Em todas essas espécies o oocisto ingerido migra para os tecidos. Somente no gato ele vai para o intestino onde se reproduz e elimina os oocistos nas fezes. Os gatos contraem a toxoplasmose comendo carne crua infectada com cistos teciduais ou ingerindo “oocistos esporulados” em fezes, água ou outro alimento contaminado.

Gatos infectados podem ou não “mostrarem-se doentes”. Eles normalmente desenvolvem imunidade à toxoplasmose após infecção inicial e raramente voltam a eliminar oocistos nas fezes. Outros animais e pessoas tornam-se infectadas ingerindo os oocistos esporulados presentes em verduras e frutas mal lavadas ou carne crua ou mal cozidas contendo cistos teciduais.

Obs.: cães não transmitem toxoplasmose.

IMPORTÂNCIA NA SAÚDE PÚBLICA
A mulher que planeja ter filhos deve fazer um exame sorológico para anticorpos de toxoplasmose antes de engravidar. Se ela tiver sorologia positiva então ela e seu feto não se tornarão infectados. Se a sorologia der negativa e a mulher infectar-se durante a gestação, ela então poderá transmitir o organismo para o seu bebe, causando serias deformidades ao feto.

CUIDADOS E MANEJO DO GATO NO CASO DE PROPRIETÁRIA GESTANTE

– Fazer sorologia para toxoplasmose no seu gato. No caso de positivo o seu gato pode ser tratado.
– Fazer exame de fezes periódico no seu gato. A gestante não deve manusear as fezes do gato suspeito.
– A gestante não deve limpar a caixa de areia, que deve ser trocada diariamente (antes que os oocistos esporulem).
– Cuidado com caixas de areia em playgrounds, e no manejo de jardinagem.
– Não permitir que seu gato se alimente de ratos, aves ou carne crua.
– Cuidado com gatos de rua ou de origem desconhecida dentro de casa.
– Lavar as mãos após contato com seu gato ou seus utensílios, ou mesmo após manuseio de carne crua nas atividades domésticas.

Obs.: a transmissão por mordida, lambedura ou arranhões ainda não foi verificada.

A gestação não impede que você tenha um gato, mas o bom senso deve prevalecer. Comer carne crua ou mal cozida é comprovadamente a maior e mais importante forma de infecção em humanos do que o próprio contato direto com gatos. Carnes cozidas a 58ºc por dez minutos ou mais é o suficiente para eliminar o cisto de toxoplasmose.

O Hospital Veterinário Pet Care recomenda fazer a sorologia de toxoplasmose para todos os gatos que irão conviver com a gente dividindo muitas vezes os nossos sofás e camas. Além disso recomendamos que os gatos comam somente ração e nunca alimente-os com carne crua ou permita a caça de aves e roedores.

Para saber mais sobre o exame, entre em contato conosco pelo telefone 3743 2142 ou pelo nosso email: petcare.

Fonte: Pet Care
http://www.petrede.com.br/toxoplasmose-o-que-o-gato-tem-a-ver-com-isso/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed%3A+petrede+%28PetRede%29
Anúncios
Categories: Gatos | 2 comentários

Dicas para Protetores ou amantes de felinos

Amigos e amigas,

Segue um excelente arquivo que recebi com dicas para os que amam gatos. Achei bem útil e legal para divulgarmos.

😀

Aproveitem as dicas

Bjs

Gatos gostam e necessitam de altura para sua saúde.

· Gatos gostam de alturas, troncos de árvores ou arranhador para as unhas, bolinhas de meia ou corda serão brinquedos muito uteis e indispensáveis.

Alguns gatos resgatados da rua, após sofrem maus tratos e negligência . Dessa forma surge então assim a necessidade de proporcionar um espaço mais reservado para animais que necessitem de cuidados especiais na sua recuperação.

A construção de um gatil é a forma mais humana de se ajudar felinos indefesos e muitas vezes a única forma de salva-los r da morte, por fome ou doenças.

No entanto e por mais que haja por trás a boa intenção de salvar e guardar, há necessidade de conhecer a os pontos fracos dos felinos que os leva a morte e a contaminação dos saudáveis.

1º Para os filhotes recém-chegados no GATIL ou em casa e apartamento, o primeiro passo é deixa-lhes separados em uma gaiola limpa, alegre e confortável fazendo quarentena, vale lembrar que nessa gaiola o ideal e indispensável é ter os seguintes pontos:

· A primeira parte será térrea onde ficará a areia higiênica

· A segunda ficará a comida e a água

· Na terceira faça as caminhas quentes e aconchegantes

VEJAM EXEMPLOS DE GAIOLAS E GATIL QUE SEGUE ANEXO.

2º Quando os gatos estão adultos ou com idade entre 4 e 6 meses, alguns protetores acreditam que eles são fortes o bastante para simplesmente ficar em um lugar com comida e água, com isso muitos felinos morrem aos montes, principalmente no inverno, por isso é importante lembrar que:

Gatos não podem ficar com as patas frias ou molhadas por muito tempo , ou expostos ao frio, isso contribui para que tenham problemas respiratórios. Doenças como bronquite, rinotraqueíte, asma e pneumonia costumam afetar os felinos. Se o bichano ficar como se estivesse prestes a expelir uma bola de pelos e passar mais tempo deitado do que o habitual, pode ser um sinal de que sua saúde não está bem.

Para evitar todas essas doenças respiratórias o ideal é fazer prateleiras, assim após a alimentação e seu passeio de costume, os felinos por extinto de sobrevivência iram procurar essas prateleiras como refugio.

No inverso é indispensável que nessas prateleiras tenham caminhas ou algo para aquecer.

DICAS PARA PROTETORES.pdf

Categories: Gatos | Deixe um comentário

Site no WordPress.com.